Condição:
Tipo:
Marca:
Modelo:
Ano:
de
a
Pés:
de
a
Valor:
de
a
Região:
* Utilize somente os campos desejados.
NOTÍCIAS NÁUTICAS

Caballo Loco é bicampeão da Classe C30 no Circuito Ilhabela de Oceano

O Caballo Loco, de Ubatuba, conquistou neste domingo (28) o bicampeonato da Classe C30 na 21ª Copa Mitsubishi – Circuito Ilhabela de Vela Oceânica. O barco do comandante Mauro Dottori dominou a temporada com 12 vitórias em 21 regatas, considerando-se seis descartes. Após as três etapas, perdeu apenas 18 pontos, contra 22 do Kaikias Via Itália e 38 do estreante do ano, Kairós.

O Caballo Loco venceu a terceira e decisiva etapa após duelo que permaneceu acirrado com Kaikias Via Itália ao longo da temporada, mas o vice-campeão da etapa foi o Kairós, vencedor da desafiadora Regata Volta à Ilha. O Caballo Loco conquistou o segundo bicampeonato no ano, incluindo-se o Brasileiro de C30, enquanto o Kaikias Via Itália encerra 2021 com o inédito título da Semana de Vela de Ilhabela.

"Iniciamos o domingo com sol e vento sudoeste de 13 nós (23 km/h), um cenário perfeito para velejarmos no meio do Canal de São Sebastião, em frente ao Yacht Club Ilhabela (YCI). A largada da primeira regata foi muito bonita, saímos na frente, mas antes de montarmos a boia o proeiro deixou escapar a adriça (cabo para içar a vela balão), o Kaikias nos ultrapassou, mas ainda conseguimos chegar à frente do Kairós", relatou Dottori.

"Na segunda regata o vento foi caindo e chegou a sete nós. O Kairós largou escapado e o Kaikias seguia a gente até que batemos na boia e tivemos de pagar os 360 graus. Mesmo assim cruzamos na frente, com Kairós em segundo. O problema foi a correnteza de dois nós no canal, o que chegou a fazer os barcos andarem para trás", observou o comandante do Caballo Loco. Nas demais classes, os vencedores foram: Ginga (HPE 25), Beleza Pura (RGS) e Xamã Matrix Energia (ORC).    

Temporada vitoriosa

A exemplo de 2020, a Copa Mitsubishi neste ano teve apenas três etapas, em vez das quatro tradicionais, devido à fase vermelha da pandemia. "Apesar das restrições, salvamos a temporada e ainda fechamos o ano em altíssimo astral. Foram três etapas da Mitsubishi, Semana de Vela e também sediamos o Sul-Americano de Star. Como diretor de Vela do YCI, estou me sentindo nas nuvens", celebrou Dottori.   

O comandante do Kairós também expressou satisfação pela missão cumprida ao longo de um ano exigente. "Estamos muito felizes com o encerramento de 2021, quando obtivemos a segunda colocação nesta última etapa da Copa Mitsubishi. Fui um fim de semana e tanto, com disputas muito animadas. A classe está de parabéns", exaltou Alessandro Penido.

"Só temos a agradecer, primeiramente a Deus, a todos da Classe C30 e aos demais apoiadores, pois este foi um ano de muito aprendizado e crescimento. Agora vamos nos preparar para a campanha de 2022, iniciando com o Circuito de Florianópolis em fevereiro, que deverá contar com presença massiva da classe", projetou Penido. O Circuito Oceânico Ilha de Santa Catarina abrirá a temporada de 2022, válido também pela primeira etapa do Campeonato Brasileiro da Classe C30. 


Fonte: Redação - Foto: Divulgação

js